segunda-feira, 30 de junho de 2014

Não Tenhas Medo



“A vida é uma luta constante, quem desiste da conquista dos seus objectivos, não chega a lugar algum.” 




Deixa o Mundo Girar -Polo Norte

Quantas vezes vais olhar para trás
Estás preso a um passado que pesou
Quantas vezes vais ser tu capaz
Fazer sair quem por engano entrou

Abre a tua porta
Não tenhas medo
Tens o mundo inteiro
À espera para entrar
De sorriso no rosto
Talvez o segredo
Alguém que te quer falar

Olha em frente e diz-me
Aquilo que vês
Reflexos de quem conheces bem
Ouve essa voz, é a tua voz
Dá-lhe atenção e a razão que tens

Abre a tua porta
Não tenhas medo
Tens o mundo inteiro
À espera para entrar
De sorriso no rosto
Talvez o segredo
Alguém que te quer falar

Deixa o mundo girar para o lado que quer
Não o podes parar nem tens nada a perder
Estas de passagem,
Não o leves a mal se te manda avançar
Talvez seja o sinal que não podes parar
Estás de passagem

Vai aonde queres
Ser quem tu quiseres
Estende a tua mão
A quem vier por bem,

Abre a tua porta
Não tenhas medo
Tens o mundo inteiro
À espera para entrar
De sorriso no rosto
Talvez o segredo
Alguém que te quer falar

Deixa o mundo girar para o lado que quer
Não o podes parar nem tens nada a perder
Estás de passagem,
Não o leves a mal se te manda avançar
Talvez seja o sinal que não podes parar
Estás de passagem

Só de passagem
Estou de passagem
Para outro lugar

34 comentários:

  1. Maravilha de foto!!Adorei! abraços, linda semana,chica

    ResponderEliminar
  2. Que belo poema! É preciso refrear o medo e se soltar um pouco mais para aproveitar tudo o que o mundo tem a nos oferecer. Um abraço!

    ResponderEliminar
  3. Não temos que temer a vida,é e sempre será uma luta árdua,mas com confiança e fé conseguimos o que desejamos.
    Linda foto e vídeo amigo Antonio.
    Bjs e um ótimo começo de semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  4. ¡Qué belleza ! Absolutamente TODO. Versos e imágenes maravillosas.
    Un abrazo gigante.
    ¡Feliz semana !

    ResponderEliminar
  5. Nossa! Poema mais belo!É isso, amigo!Vivo este momento, e irei para onde desejar, se assim Deus-Pai permitir.O que importa é sermos felizes.Abraços.

    ResponderEliminar
  6. Bom dia Antonio.
    Quem se deixa paralisar pelo medo não chega a lugar algum. Amei a imagem, amo o mar, mesmo com as fortes ondas., Para você e seus queridos um ótimo julho, que jorre saúde e muita paz.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  7. Cierto, mirar hacia delante sin miedo, el pasado pasó y los errores solo sirven para aprender a no cometerlos de nuevo.
    La fotografía, una maravilla. Has congelado un momento único.
    Un beso

    ResponderEliminar

  8. Até apetece mergulhar nessas águas!!... e mergulhar nos teus pensamentos.
    E a voz de Miguel Gameiro acompanha mesmo bem este momento zen.


    Beijinhos em águas calmas
    (^^)

    ResponderEliminar
  9. Boa tarde

    Foto deslumbrante.
    E, musica maravilhosa que adoro....
    Tenha uma semana maravilhosa...

    Beijinho

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. ¡Bravo, amigo!!!

    Es una pasada de hermoso este poema, que nos hace reflexionar ante la vida con miedos para avanzar. Casi siempre cerramos cerramos la puerta... o, somos mucho los que la cerramos cuando un amor se acaba; sin pensar que afuera hay un mundo nuevo que nos invita a salir y disfrutar de las maravillas que nos rodea la vida cada día cada instante.
    Ha sido un encanto pasar a leerte, tonto tus letras como las imágenes del vídeo. Todo un lujo.
    Te dejo mi gratitud y mi estima siempre.
    Un beso y feliz semana.

    Te dejo esta dirección para que si te apetece, entres. Es de una amiga que escribe gallego y tiene una preciosa entrada. Gracias de antemano.
    www.leriasdebea.blogspot.com.

    ResponderEliminar
  11. Oi António,
    Não sei o que acontece, hoje está difícil eu fazer comentários, isso já ocorreu em vários blogs. Vamos lá outro.
    Somos nós quem escolhemos nossos objetivos, nunca devemos deixar-nos influenciar pelos outros.
    Obrigada pelo carinho
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  12. Olá, vim retribuir a visita ao preteritosmatinais e gostei muito do que encontrei...voltarei... já estou seguindo.
    Obrigada pelas palavras no meu blog.
    ..." e que nossa passagem não seja breve, nem longa demais, mas que dure o tempo de uma vida inteira... krika"

    ResponderEliminar
  13. Oi António,
    A música é bonita,
    (e as imagens do vídeo espetaculares!).
    Nunca chegaremos a lugar nenhum se ousarmos desistir...
    Beijos!

    ResponderEliminar
  14. Três ligações muito bem entrelaçadas !
    Parabéns .

    ResponderEliminar
  15. Hermosísimo!
    Versos colmados de esperanza y optimismo, una luz para el camino.
    Bellas fotos.
    Un fuerte abrazo querido amigo y buen comienzo de semana.

    ResponderEliminar
  16. Lindo mesmo
    Olha o que gostei.....

    Só de passagem

    Estou de passagem

    Para outro lugar

    Parabéns sempre sou sua fanzoca
    Bjuss de boa noite com bons sonhos
    Rita!!

    ResponderEliminar
  17. Mas a vida as vezes é madrasta e confunde o caminho onde queremos chegar...

    ResponderEliminar
  18. oi Antonio,

    por maiores que sejam as dificuldades,
    por mais e mais obstáculos que se coloquem no nosso caminho,
    desistir não deve existir...
    a foto é uma maravilha...amo o mar!!!

    beijinhos

    ResponderEliminar
  19. Belo poema musical! O medo é uma das piores causas, a busca da coragem é a vitória, mas em determinados momentos, prefiro o medo que me salva de várias situações inesperadas.
    Obrigada pela visita. Eu para ver filme só se for de final de semana e melhor Domingo, eu ainda tenho um tempinho graças a DEUS. O tempo é corrido mesmo e merecíamos realmente 48h para curtirmos mais a vida. Valeu!

    ResponderEliminar
  20. Fotografar esporte é demais. Gostaria de praticar mais esta modalidade de captura, principalmente o surf.

    Abraço

    ResponderEliminar
  21. desde que descobri esta página é sempre um prazer voltar

    é disto que eu gosto
    amigo António Gomes será que somos vizinhos?
    Faro minha terra de adoção que vi pela primeira vez em 1957.
    Vim , gostei e fui me deixando ficar
    Continue a dar nos prazer com as suas postagens
    Luis Antunes

    ResponderEliminar
  22. Muito belo a fotografia e o poema...Espectacular....
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  23. Estamos todos de passagem. Uns com objectivos bem definidos, outros ao sabor do acaso. E o tempo corre...
    Gostei do poema, e da foto. O vídeo não pude ver.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  24. Por isso há que enfrentar o medo, lutar e vencer as "ondas" da vida. Bonita foto e música. :)

    Kiss

    ResponderEliminar
  25. Olá António
    O medo existe sempre, só os inconscientes o não têm... é necessário sim, saber ultrapassa-lo..:-))
    A foto está estupenda como sempre.
    Um sorriso para si..:-))))
    Teresa

    ResponderEliminar
  26. Belo poema

    Devemos tirar o medo como nosso animal de estimação e degustar da liberdade.

    http://brendovieira.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  27. uma foto que gosto muito.

    e também gosto e concordo com a citação.

    :)

    ResponderEliminar
  28. Una fotografía genial !! y un poema lleno de esperanza. Besos

    ResponderEliminar
  29. wonderful this image, the surfer on the waves !

    ResponderEliminar
  30. Amigo António
    Acredite:coloquei a mão sobre o ecrã para me certificar se,de facto, havia água! Que fotografia!
    Quanta naturalidade!!!
    Concordo plenamente com a sua frase.Penso de igual forma.
    «A vida é uma luta» que não se aprende nos livros,mas com o dia-a-dia e no contacto permanente com os problemas que nos surgem!
    Era tão bom se tivéssemos um Manual de Instruções!!!...
    Com toda a minha admiração
    Um abraço
    Beatriz

    ResponderEliminar