quarta-feira, 5 de abril de 2017

Lágrima de cigana é poesia

Caminhar é preciso, o infinito é mesmo ali.



Cantor Elvense de etnia cigana José Lito Maia

Mulheres como a minha já não choram



Visite - artandkits.blogspot.com - de Ana Freire


Poema
Que cigana sou?

Sou uma cigana repleta de dor ...
Mas, que também sabe cantar o amor !
Sou nômade, pois não tenho moradia ...
Mas, o meu coração mora na poesia !
Sou uma cigana, sou mistura de muitas raças ...
O meu povo lutou contra muitas injustiças !
O meu vestido colorido e a minha rosa na cabeça ...
fazem com que eu não me esqueça ...
Da música, da ternura, da magia ...
E principalmente da poesia !
Porém, tanto tempo se passou ...
E ainda nem sei, que tipo de cigana eu sou !

Cigana

113 comentários:

  1. Linda foto e profundas palavras! abraços, ótimo dia! chica

    ResponderEliminar
  2. Infinity does not change the value.
    Gypsies are not quiet people, as once.

    ResponderEliminar
  3. Grazias por la música - me disfruté mucho. Feliz semana AG.

    ResponderEliminar
  4. Há muitos mistérios no mundo cigano e essa música é linda demais Antonio!
    Amei ler e ouvir.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  5. Adorei o som e o olhar que nos transportam além do infinito!!!bj

    ResponderEliminar
  6. a música cigana dá-me vontade de dançar :)

    tarde boa, AG

    ResponderEliminar
  7. Symbolic picture!
    Beautiful melodious music.
    Sadness sadness ripples Lyrics.
    Greeting

    ResponderEliminar
  8. Foto linda e frase também...
    Uma poema que nos faz pensar na dor e na verdadeira identidade da cigana...
    Muita paz e um abraço...

    ResponderEliminar
  9. Kaunis musikki vaikuttava ja kuva kiitos. Hyvää päivän jatkoa :)

    ResponderEliminar
  10. Lindo!
    E o infinito... logo ali...
    Abraços e feliz dia.

    ResponderEliminar
  11. Una voz masculina llena de fuerza pero que recuerda al canto andaluz, como si la persona que canta tuviera esas raices muy marcadas. No he podido seguir, como hago en otras ocasiones, la letra y la canción, lo siento me he perdido y lo he intentado más de una vez. La melodía es muy buena y la letra del poema me gustó mucho. Un abrazo. Franziska

    ResponderEliminar
  12. Maravilhosamente belo! Amei a musica. Coloquei no meu facebook.
    Adorei o poema! Linda escolha. Amei

    beijinhos

    ResponderEliminar
  13. Um post espectacular, que capta completamente no seu todo, toda a paixão, autenticidade e arrebatamento da alma cigana...
    Adorei a frase, o poema... a imagem, não poderia ilustrar melhor o tema... e a música... mais uma fantástica e super agradável descoberta... por desconhecer completamente... e adorar a sonoridade!
    Como sempre... mais um post, com um mix de escolhas formidável!
    E aproveito para agradecer, esta agradável surpresa, com o destaque que nos é dado, aqui no seu post, António, com um link para o nosso blog...
    Um grande abraço! E uma vez mais, os nossos agradecimentos!
    Continuação de uma fantástica semana!
    Ana

    ResponderEliminar
  14. Um poema muito bonito. A foto como sempre muito boa. Gosto das fotos a preto e branco.
    O blog da Ana Freire é excelente.
    E hoje há festa no Sexta.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  15. Uma fotografia e uma frase conjugadas na perfeição.

    ResponderEliminar
  16. Vida de cigana é complicada. Há muita dor e sofrimento mas também há alegria e musica.

    ResponderEliminar
  17. Grande imagem para o conteúdo da canção. Os ciganos não têm uma vida fácil, mas eles podem dançar e cantar. Saudações.

    ResponderEliminar
  18. Música cigana vem-me a memória os boletos minha....Volaree oh oh cantare oh oh oh oh
    Kis :=}

    Tens lá no meu humilde casebre uma resposta para ti.

    ResponderEliminar
  19. Beautiful melody and lovely monochrome! Great week ahead! And a very sunny month of April!

    ResponderEliminar
  20. Muito bonito.
    As fotos são sempre maravilhosas.
    bj

    ResponderEliminar
  21. La foto y el cante me han dejado sin palabras, Antonio.
    Mi corazón sabe también nadar en la poesía y en tantos otros mares que se presenten en la larga espera del devenir por mares y caminos.
    Como todas tus entradas.
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  22. Pasos que nos llevan más allá del infinito, bellísima fotografía
    Un beso

    ResponderEliminar
  23. A música faz bater o pézinho! :) Gosto da foto e do poema! :)
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  24. El infinito es allí mismo y desde esa premisa podemos ser nómadas de nuestra historia. Un abrazo

    ResponderEliminar
  25. Bonita canción con aires rumberos y bien acompañado por tu imagen.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  26. Maravilhoso poema! Mais uma belíssima foto.

    ResponderEliminar
  27. Tudo muito lindo. Adorei a seguinte frase: "(...) o meu coração mora na poesia". Sinto-me assim.
    Obrigada pela tua visita. Beijinhos...

    ResponderEliminar
  28. Beautiful photo in b/w - sometimes color is not required to tell a story. Do you know the person walking?
    Love this music - took me back to my day spent in Lisboa last December!

    Happy day - Mary

    ResponderEliminar
  29. Poesía que llega al corazón acompañada de la música y esa bella fotografía, logran una maravillosa entrada que has sabido elegir perfectamente.
    Cariños.
    Kasioles

    ResponderEliminar
  30. Обожаю музыку и песни цыган, тело без спроса начинает двигаться:))

    ResponderEliminar
  31. Lovely poem about a gypsy with no home...a nomad :)
    We have in Australia - grey nomads who have a home but travel for either a short of long time the Australian country then returning to their homes till the next journey.

    ResponderEliminar
  32. música cigana é fogo e energia!

    Tenha um bom dia :)

    ResponderEliminar
  33. Buen trío, foto, letras y música, bonita entrada.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  34. beautiful images. Tried to watch the video but I have no speakers :(

    ResponderEliminar
  35. Un noir et blanc plein de poésie qui laisse l'imagination rêver d'une belle gitane, d'une belle histoire à venir !
    Bonne après-midi !!

    ResponderEliminar
  36. excelente el momento captado, la musica y el poema, saludos amigo y feliz semana.

    ResponderEliminar
  37. Olá,

    linda imagem deste pássaro.
    Bjs

    Tânia Camargo

    ResponderEliminar
  38. Mucho arte hay en ese ritmo gitano, tiene mucho parecido con la "Rumba" española.
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  39. Oi Antônio, bt!
    Poesia linda e que me fez lembrar da infância!
    Quando criança morei perto de uma família cigana e quase me senti como uma, isso por conta da minha forte amizade com as crianças e até mesmo com a família inteira que parecia ter me adotado kkkk. Talvez por isso eu tenha me feito muito essa pergunta:
    Que cigana eu sou?
    Que bom ter relembrado esse pedaço da minha infância!
    Bjsssss amigo

    ResponderEliminar
  40. El caminar es preciso y necesario, pero a veces hay que detener los pasos para gozar de las maravillas de la Naturaleza.

    Besos

    ResponderEliminar
  41. Beautiful poem and photographs.
    I wish you a wonderful Friday and happy weekend.
    Greetings and hugs.

    ResponderEliminar
  42. Buenas letras, buena música y estupenda foto Antonio!!!
    Besos.

    ResponderEliminar
  43. Un buen ritmo así que bonita imagen que nos dejas, un saludo.

    ResponderEliminar
  44. Fantástica toma, la música excelente,

    Saludos

    ResponderEliminar
  45. La canción suena igual que miles de canciones españolas. Me ha sorprendido oir ese ritmo y esa música cantadas en en tu bello idioma.

    La foto, la gitana, el poema, el camino... Hoy todo el post tiene un aire trashumante y aventurero que invita a ponerse un vestido de colores y bailar alrededor del fuego.

    Un beso,

    ResponderEliminar
  46. Um poema intenso e belo.
    As ciganas são das estradas, e correm o mundo
    a contar suas historias. Não pude ouvir a musica,
    volto outra hora para assim faze-lo.
    Um beijo

    ResponderEliminar
  47. OLÁ, SOU SEU SEGUIDOR!

    É MESMO? MUITO POÉTICO.

    ALIÁS ESTE É O SEU PROPÓSITO E O CONSEGUE!

    PARABÉNS


    AGORA NO MEU BLOG:
    DESEMPENHO SEXUAL ENTRE COMPANHEIRAS E COMPANHEIROS.A COBRA NÃO ESTÁ FUMANDO.
    VEJA A REALIDADE DOS FATOS NO NOSSO BLOG HUMOR EM TEXTOS.

    UM ABRAÇÃO CARIOCA

    ResponderEliminar
  48. Uma mulher que simplicidade irradia
    Que na humildade não engana
    É uma mulher... não mulher vadia
    Simplesmente nasceu mulher cigana
    ..........
    Deixo um abraço amigo

    ResponderEliminar
  49. A pesar del infinito, todo está ahí, próximo de ser alcanzado. Sólamente basta caminar. Preciosa foto en el artístico blanco y negro. Y la canción gitana, una aproximación a la idea de una raza universal. SEr todas las razas, porque sólo hay una la humana. Sabrosa canción de bulerías y flamenco. Un abrazo. Carlos

    ResponderEliminar
  50. Hello, I love to take walks. So many lovely sights to see along the way! Pretty poem! Enjoy your day and the rest of the week!

    ResponderEliminar
  51. Ola amigo eu sou fan de foto a preto e branco e esta aqui esta 5* mt bonita assim como o poema e a musica mais uma para a minha coleçao musical o qual agradeço a partilha mt obrigada bjs bfs

    ResponderEliminar
  52. ¡Bonita fotografía acompañada de un buen texto y buena música!

    ResponderEliminar
  53. A solidão da mulher, tendo como figura central a mulher cigana. Lindo

    ResponderEliminar
  54. Interesting how just one human figure can change a landscape.

    ResponderEliminar
  55. Caminar es siempre viajar, viajar en tus
    reflexiones… Sugerente fotografía.
    Saludos.

    ResponderEliminar
  56. Bellissima sia la foto che la poesia!
    Buon fine settimana!

    ResponderEliminar
  57. Bellissima sia la foto che la poesia!
    Buon fine settimana!

    ResponderEliminar
  58. Que bonita esta foto a preto e branco,pura poesia!
    Gosto muito de ouvir o cantar cigano e desconhecia este cantor com uma voz cheia de sentimento.
    O blogue da amiga Ana é local de visita obrigatória, pela sua qualidade e simpatia.

    Um beijinho grato pelo comentário de ontem no meu bogue ( com que então tem 99 anos, não acredito! :))

    O Toque do coração

    ResponderEliminar
  59. muito bem combinado Antonio
    a musica e a imagem !
    bom sábado para ti
    Angela

    ResponderEliminar
  60. Carissimo Antonio, ouvir este cantor da etnia cigana me fez recordar como os nossos ciganos (a maioria Kolon) ainda são tradicionalistas, são musicas brasileiras, as chamadas musica de raiz. Não temos entre eles poetas, a maioria canta coisas do campo, pois são cavaleiros. Linda foto, de bom gosto. Abraços do Brasil.

    ResponderEliminar
  61. Bela música e belo poema.
    Excelente post, gostei.
    Tem um bom fim de semana, amigo Gomes.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  62. BONSOIR BONSOIR
    Ton poéme est trés beau et cette photo quel régal
    merci beaucoup gros bisous

    ResponderEliminar
  63. Antonio caminhar é essencial, é uma linda música, perfeito a sua escolha, abraços.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  64. Somos um povo sem terra, o mundo todo é nosso...por isso é preciso caminhar...
    Fotografia bela...
    Beijos...

    ResponderEliminar
  65. Like a movie in a movie and wonderful space.
    Best, Synnöve

    ResponderEliminar
  66. e que bela música!
    combinou muito bem com a foto.
    belíssima postagem!
    bom fim de semana.
    beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
  67. Os ciganos são marginalizados, como os negros, como os pobres, como os homossexuais. Tudo o que foge ao que se designa de "padrão", é olhado com desconfiança, desconforto, horror; isto sucede em mentes retrógradas, primárias, míopes... Parabéns a si e à Ana! Um tema pouco abordado; a comunidade cigana. Beijinhos e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  68. LLeguen a ti mis deseos de:
    Buena Semana Santa a todos!!!, que viváis de acuerdo a vuestros sentires y que los días sean de bien... estar.
    .
    Nos vemos el domingo de Pascuas!!!!!!!
    .
    Y... hasta ese momento que Dios los tenga en la palma de su mano!!!!
    .
    Abu

    ResponderEliminar
  69. Profundo contenido ...mensaje, poesía y música
    Abrazo

    ResponderEliminar
  70. O homem tem tendência para marginalizar tudo que o incomoda . Incomodo esse que , muitas vezes , vem do facto de não ser capaz de fazer o mesmo , não assumir os seus desejos e gostos .
    Continuamos muito medrosos e pequeninos .

    Um abraço António ,
    Maria

    ResponderEliminar
  71. Um poema lindo a acompanhar uma bela fotografia.
    O P&B acentuou o mistério da alma cigana.

    Beijos António

    ResponderEliminar
  72. Fascinating and so very beautiful.
    Thank you for sharing... and thank you for your always thoughtful comments too!
    Bom domingo!

    ResponderEliminar
  73. O respeito caracteriza-se, essencialmente, pelo admiração das culturas dos povos. Em todos há poesia?! Deixas-te aqui um belíssimo exemplo, amigo.
    Adorei a foto e palavras.
    Bj, António.
    (Atrasei-me em nova publicação. Mais logo 😊)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Corrijo: considera só o ponto de exclamação e deixaste (lapsos de quem está com o telemóvel e ao sol 😂)

      Eliminar
  74. A poesia é a nossa humanidade. Está, por isso, em todos nós humanos. É urgente recordá-lo!
    Excelente «post».
    Beijinho

    ResponderEliminar
  75. Parabéns, AGomes. Trabalho equilibrado que apresenta um aspecto da cultura cigana.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  76. Muito lindo tudo.
    Cada ato nosso é um poema
    Cada ação uma reação.
    Somos irmãos universal do amor
    somos todos especiais.
    Amei teu post Gomes.

    Abraço.

    ResponderEliminar
  77. Linda imagem. Obrigada pela sua visita :) Boa semana :)

    ResponderEliminar
  78. Nice and lively music. Nice poem of a gypsy with no home.

    ResponderEliminar
  79. La poesía es muy hermosa y profunda. La música es fantástica.
    Un abrazo, buena semana!

    ResponderEliminar
  80. La poesía es muy hermosa y profunda. La música es fantástica.
    Un abrazo, buena semana!

    ResponderEliminar
  81. Quel beau poème superbement illustré par la photo en noir et blanc...
    Nous sommes tous métissés de nombreux ancêtres mais n'est ce pas une chance de savoir dire que nous avons UNE culture

    ResponderEliminar
  82. Excelente poema! A poesia está presente em todas as culturas, mesmo aquelas que se discriminam...
    Uma boa semana.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  83. Hi! Nice capture. The music is very impressive. Thanks for sharing.

    ResponderEliminar
  84. Este post está 5*****.
    Adorei!

    Beijos

    ResponderEliminar
  85. Ola! mil desculpas por engano meu amigo, devo ter mandando e ne vim. vou tomar mais cuidado também, estrou seguindo você. um forte abraços..

    ResponderEliminar
  86. What a beautiful photograph and fun poem. Gypsy life seems fascinating indeed...

    ResponderEliminar
  87. Arte é Arte e não deve ser descriminada...
    Gostei muito do post.

    Abraço e boa semana.

    ResponderEliminar
  88. Una maravilla , me encanta la foto...tiene una luz especial y un aire nostálgico y suave...
    Un abrazo

    ResponderEliminar
  89. Tudo de muito bom gosto, AG!
    Tenha uma ótima semana. ;)

    Beijos!
    Blog: *** Caos ***

    ResponderEliminar
  90. The music is so cooool! Thanks for sharing it..

    ResponderEliminar
  91. Amei a fotografia e já se faz tão preciosa. Vejo-a um belo poema.
    Parabéns!
    É linda também a poesia.
    Aproveito para lhe desejar uma Feliz Páscoa.

    Abraço

    ResponderEliminar
  92. Linda música, ritmo que eu gosto. Canto que, igualmente, gosto. A foto em P&B está muito bem. Caminhemos...

    ResponderEliminar