segunda-feira, 21 de julho de 2014

Simples

O simples não é forçosamente o melhor, mas o melhor pode ser o simples.



A valsa dos amantes - Jorge Fernando

Há um sorriso pequeno nos lábios que amei
faz tempo que te não via e ao ver-te pensei
estás mudada, estou mudado
e dos jovens que um dia se amaram nasceu este fado

Há um sorriso pequeno no homem que eu sou
Iniciámos o amor quando o amor nos chegou
não me esqueço, não te esqueças
que inocentes, escondidos, escondemos
o amor feito ás pressas

Não penses que te vejo como outrora
a vida esgota a vida hora a hora,
o tempo gasta o tempo e marca a gente,
o espelho mostra como eu estou diferente
não estou novo não sou novo
mas não peças que a vida te apague do fundo de mim

Há um sorriso pequeno nos olhos dos dois,
há uma dúvida triste que existe e depois
fico a espera, estás a espera
mas a voz não se atreve e uma lagrima em mim desespera

Não penses que te vejo como outrora
a vida esgota a vida hora a hora
o tempo gasta o tempo e marca a gente
o espelho mostra como eu estou diferente
não estou novo não sou novo
mas não peças que a vida te apague do fundo de mim

48 comentários:

  1. oi Antonio,

    pode não ser o melhor,
    mas eu adoro o simples,
    encontro beleza e o simples me faz muito feliz...

    beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Bom dia António,
    O amor de juventude a gente nunca esquece, e o tempo urge, nossos conceitos e aparências mudam, no coração colocamos outra pessoa; mas fica sempre a saudade de uma simplicidade ímpar.
    Belo vídeo.
    Mais um pouquinho você pegava minha postagem de hoje, com vídeo e tudo.
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  3. Lindo! Eu também adoro o simples.
    Bjs e boa semana
    Lita

    ResponderEliminar
  4. Oi Antonio,lindo vídeo e palavras.
    Ser simples transparece muita sabedoria..
    bjs amigo
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  5. a very beautiful image ! this must be a fantastic place
    happy week

    ResponderEliminar
  6. Poiss...LINDO!!
    As rochas Beijam-se !
    Magnífica Foto !!
    Música e letra Lindas.

    ResponderEliminar
  7. Oi Antonio
    Veja: não vivo mais o presente que me machuca e machucou muito, estou vivendo emoções do passado.
    Obrigada pelo carinho
    Linda fotografia!
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  8. Superbe lumière qui se faufile entre les roches !

    ResponderEliminar
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  10. Excelente la fotografía, magnificamente acompañada por ese video con imagenes preciosas y sugerentes y música no menos magnifica, un abrazo.

    ResponderEliminar
  11. UAU!!! Que show!!!Adorei! abraços praianos,chica

    ResponderEliminar
  12. Boa tarde AG
    Uma foto lindissima com uma musica soberba. Ouço muitas vezes quando endo mais em baixo, este tipo de fados. Adoro!

    Votos de uma excelente semana.
    Beijos

    Coisas de Uma Vida 172

    ResponderEliminar
  13. Bonito poema... o tempo muda as pessoas, muda as coisas, mas não tudo.
    Um abraço!!

    ResponderEliminar
  14. Da foto direi que gosto desas catedrais de pedra pomez (?) que semellan as nosas catedrais da Mariña luguesa. Do poema gosto del todo, como se gosta dun fado. "A vida esgota a vida hora a hora" de ahí que sempre loitemos por ela. A paixón non é duradeira pero deixa o seu pouso que non borra o tempo. Amor sosegado e apagado que mantén as zinsas do comezo. Excelente composición. Moito obrigada também polos seus comentarios no meu blog. Aperta

    ResponderEliminar
  15. O simples sempre me atrai, mesmo que não seja o melhor... que importa!
    A letra da música é linda... Existe amor que o tempo não apaga, não mesmo,
    .
    Bjus Antonio

    ResponderEliminar
  16. OI ANTONIO!
    MAJESTOSA A NATUREZA QUE DE FORMA TÃO SIMPLES, NOS BRINDA COM UMA BELEZA ASSIM E QUE TÃO LINDAMENTE A RETRATASTE.
    O FADO É LINDO TAMBÉM.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  17. Bom, António, esta foto deixou-me mesmo de cara à banda, como se costuma dizer...;-)
    Gostaria de saber onde foi tirada... mas penso que no nosso Algarve.
    O melhor é sempre o mais simples, mas o difícil é as pessoas conseguirem
    ser simples para reconhecer a beleza da simplicidade.
    O Jorge Fernando é um dos grandes compositores da música portuguesa, um maravilhoso cantor e um extraordinário guitarrista. Um homem a quem pouca gente parece querer dar o imenso valor que tem, à excepção dos grandes artistas que o cantam, e com ele cantam.
    "o tempo gasta o tempo e marca a gente"...Simples e tão verdadeiro.
    Um post excelente. Gostei muito, António.
    xx

    ResponderEliminar
  18. Existe siempre un lugar, y este que muestras s¡es fantástico. Un lugar para perderse.
    Un abrazo y buena semana

    ResponderEliminar
  19. O melhor é sempre o mais simples, mas a humanidade sempre faz questão de complicar as coisas. A foto é maravilhosa.
    E gostei da música.
    Um abraço e uma ótima semana

    ResponderEliminar
  20. Very wonderful picture and very nice music !!!
    Have a nice day !!!

    ResponderEliminar
  21. Bom dia, António
    Magnífica foto! Tem todo o aspecto de ser Algarve...

    Concordo que o simples é, dum modo geral, o melhor. Coisas complicadas só servem para... complicar :)))

    Este fado é lindo. Eu sou suspeita porque adoro Fado...

    Continuação de boa semana. Beijinhos

    PS - Vou te dizer um segredo :) - O meu querido e GRANDE amigo/irmão Miguel faz anos no próximo dia 24...

    ResponderEliminar
  22. Imagem fabulosa

    Gosto muito de ouvir Jorge Fernando...Boa escolha

    Cumprimentos
    ..................
    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  23. Your photography is amazing, this shot is incredible.
    Great song ....

    Wishing you happy day
    Smiles

    ResponderEliminar
  24. A beautiful image and words dear Antonio...
    hugs
    xoxoxo ♡

    ResponderEliminar
  25. Que lugar lindo. Gostei imenso. Onde é?

    Beijos

    ResponderEliminar
  26. Quanto mais simples os desejos, mais puros os sentimentos, por isso podemos encontrar alegria em pequenas coisas, simples, mas belas aos nossos olhos...como a luz do sol, como a beleza de um jardim florido, como o sorriso duma criança.

    Ghost e Bindi

    ResponderEliminar
  27. a citação combina bem com a foto que é muito bela.

    a música também.

    tudo em sintonia.

    :)

    ResponderEliminar
  28. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  29. Oi António :)
    Imagem linda e encantadora...
    Ah, gostei muito da música.
    Beijos!

    ResponderEliminar
  30. Lindo, lindo!
    Grande abraço

    www.lucadantas.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  31. Nada simples! O teu olhar sobre as coisas é a experiência de vida atenta e carregada de bons gostos.
    Abraço

    ResponderEliminar
  32. Imagem belíssima, com procedente colocação. Viver com simplicidade nada tem a ver com com aceitação do simples como melhor opção. A música me era desconhecida e é bela.
    Renovo-lhe meus agradecimentos pelo apoio que conforta. Abraço.

    ResponderEliminar
  33. Mas o mais difícil é ser simples...
    Um belo momento com Jorge Fernando. Obrigada.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  34. Também aprecio a simplicidade das coisas complexas...o simples no afirmar pode ser difícil no relacionar!

    ResponderEliminar
  35. UN TEMA SUPREMAMENTE MUY INTERESANTE.
    UN ABRAZO

    ResponderEliminar
  36. Las cosas simples en ocasiones son las m as bellas!
    Tu poema y la imágen es una belleza!
    Gracias por compartir con nosotros amigo.
    Beijossss!

    ResponderEliminar
  37. Maravilha de «post», maravilha de foto!
    Sou fã do depurado e simples, dessa beleza da exactidão.

    bjs

    ResponderEliminar
  38. Boa noite Antonio.
    As coisas mais linda na vida, são as coisas simples, a natureza nós mostra esse pequenos bons exemplos.
    Uma feliz quinta feira.
    Abraços.

    ResponderEliminar

  39. Olá, Existe Sempre Um Lugar.

    Boas obras sentimento.
    Obrigado por sua visita sempre.

    Desejo a todos o melhor.
    Um abraço.
    Do Japão, ruma ❃

    ResponderEliminar
  40. Olá,

    Passei para lhe desejar: Bom tudo.
    Abraços

    ResponderEliminar
  41. Hermosa foto de la naturaleza majestuosa,, acompaña perfectamente la música. Besos

    ResponderEliminar
  42. Precioso lugar, nada simple, aunque estoy de acuerdo en que a veces, lo simple puede ser lo mejor.
    Un beso

    ResponderEliminar
  43. Amigo António
    Fotografia soberba!
    Algarve e praias de sonho!
    Encanto-me sempre que visito o seu Blog!
    Parabéns.
    Obrigada pelo fado que eu não conhecia.
    Um abraço
    Beatriz

    ResponderEliminar