sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Também Choro

Click na foto para ver em tamanho maior
Click on the photo to see it in full size




Marco Rodrigues - O Tempo

O tempo não espera pela gente mas eu espero por ti
O tempo quer ser indiferente, só eu te quero aqui
Por mais que eu te diga, mesmo que eu consiga
O tempo não espera por mim
O tempo não espera pela gente se não fugirmos daqui
Sei que não vai ser diferente, só por dizer que sim
Querer-te despida, na pele de rendida
No meu tempo, não era assim
Mas por mais que a vida, não cure as feridas
O tempo irá curar por si
Não sou de ferro
Nem tenho armas
Apenas a música para ti
Porque eu também choro
Quando me desarmas
E agora canto o que perdi
Porque houve um tempo em que eu te tinha só para mim
Querer-te despida, na pele de rendida
No meu tempo, não era assim
Mas por mais que a vida, não cure as feridas
O tempo irá curar por si
Não sou de ferro
Nem tenho armas
Apenas a música para ti
Porque eu também choro
Quando me desarmas
E agora canto o que perdi
Porque houve um tempo em que eu te tinha só para mim
Só para mim
Não sou de ferro
Nem tenho armas
Apenas a música para ti
Só espero que o tempo te traga até mim

94 comentários:

  1. Todos choramos mesmo não vertendo lágrimas!
    O som tem um belo poema e o reflexo está fantástico!
    Boa sexta

    ResponderEliminar
  2. Todos choramos mesmo não vertendo lágrimas!
    O som tem um belo poema e o reflexo está fantástico!
    Boa sexta

    ResponderEliminar
  3. Identifiquei-me com o post, musica e letra

    Hoje:- A Dança no Paraíso
    .
    Bjos
    Fim de semana feliz.

    ResponderEliminar
  4. Beautiful music interpreted by a powerful voice!
    Wishing you a very nice weekend!

    ResponderEliminar
  5. Muito lindo tudo!Adorei os reflexos...abraços, lindo fds! chica

    ResponderEliminar
  6. Uma bela musica interpretada pelo Marco, gosto da letra e do ritmo, tudo em sintonia.
    A foto está fantástica, parabéns.
    Abraço e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  7. Bonita canción, acompañada de una fotografía espectacular.
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  8. Gostei da musica e da letra mas fiquei maravilhado com a fotografia.
    Um abraço e bom fim-de-semana.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    O prazer dos livros

    ResponderEliminar
  9. Arts ands kits enviou-me para aqui e fiquei maravilhado com a fotografia do pelicano.
    Abraço

    ResponderEliminar
  10. Amigo... essa foto é m desplante... uma aula de fotografia!!!
    Somente o olhar de um artista pode fazer uma foto dessa: OBRA DE ARTE...
    Ao falar no tempo, posto aqui um meu poema antigo.....
    Espero não comprometer a qualidade do teu post, com um poema tão simples e humilde:

    ¨Para te amar há o tempo infindável
    Certo e infinito de dois de nós.
    Há o tempo exato e inevitável
    De ouvir a nossa voz.

    Há o tempo certo para eu te sorrir
    Te chorar e – quem sabe... te perder?
    Mas há o tempo breve, uma colcheia, uma fusa
    Um só compasso, da luz difusa,
    Das carícias trocadas entre nós.

    Há sim, as notas do tempo. Mudo.
    Há-se que compreender que há o tempo de tudo.
    Há o tempo em que li tua ânsia
    Teu adeus cruel. À distância.

    Há o tempo do adeus
    Escrito com teu batom cor de rubi
    Na face crua do nosso espelho...¨

    ResponderEliminar
  11. Bom dia, Amigo AG!
    Parabéns pela imagem. E, como já lhe disse aqui algumas vezes, aprecio-lhe o bom gosto musical que tem. Esta musica para mim, é muito poderosa. Amei

    Beijos. Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  12. Versi molto belli, accompagnati da una bellissima fotografia
    Un saluto,silvia

    ResponderEliminar
  13. Superbe, quelle magnifique photo!!! Bise, bon week-end tout doux!

    ResponderEliminar
  14. Love it. Fabulous capture. Bravo.
    Have a really nice days. Greetings from snowy Poland. :)

    ResponderEliminar
  15. Linda poesia e música Antonio!
    Você tem muito bom gosto.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  16. Es espectacular, una maravilla!! Me ha encantado, todo, canción poesía, Imagen... Qué fotos tan bellas haces.

    Muchos besos.

    ResponderEliminar
  17. E quando choramos lavamos a alma.
    Adoro essa música.
    Bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
  18. Con la traducción pierde un poco pero se reconoce su belleza como la de la imagen. Abrazos

    ResponderEliminar
  19. Preciosa declaración de sentires… Así como la imagen y la música… Un post para el deleite, querido amigo.

    Bsoss enormes, y feliz día.

    ResponderEliminar
  20. Feliz fin de semana, encantadoras, la cancion y la foto.

    ResponderEliminar
  21. Päivää Antonio! Kaunis runo ja musikki Kiitos! Hyvää viikonloppua !

    ResponderEliminar
  22. A musica é divina. A foto de uma doçura maravilhosa.
    Dia feliz

    ResponderEliminar
  23. Amigo António
    Uma fotografia verdadeiramente deslumbrante!
    Uma bela música!
    As suas publicações têm sempre uma extraordinária qualidade: muitos parabéns.É um grande artista.
    Bom fim de semana.
    Um abraço
    Beatriz

    ResponderEliminar
  24. Beautiful picture of that bird!
    Nice music :-)

    ResponderEliminar
  25. Muy bonita, el reflejo es tan bueno o mejor que el pelícano.
    Bonita música
    Un abrazo

    ResponderEliminar
  26. Não gosto muito da música, mas a letra diz muito, o tempo é o único que não para.
    Abraço feliz sábado.

    ResponderEliminar
  27. Bonita fotografia, el efecto simetrico del reflejo la embellece aún más,
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  28. What a beautiful song! I like it.
    Greetings from snowy Poland :)

    ResponderEliminar
  29. Hello ! just an invitation to join us on "Directory Blogspot" to make your blog in 200 Countries
    Register in comments: blog name; blog address; and country
    All entries will receive awards for your blog
    cordially
    Chris
    http://world-directory-sweetmelody.blogspot.fr/
    Hello ! just an invitation to join for the community. This allows you to promote your website and publish articles
    https://plus.google.com/u/0/communities/109662684129677096983

    ResponderEliminar
  30. Muito bonita e romântica esta canção de Marco Rodrigues, que também gosto muito de ouvir cantar Fado. A fotografia do pelicano (é?) está soberba.
    Aqui tudo sempre cheira a maresia e poesia. Muito bom!

    Bom fim de semana, A.Gomes.

    Janita

    Peço desculpa mas tive de recorrer ao anonimato
    depois de perder dois comentários.
    Se quiser, pode ver se se esconderam na cx. de Spam.
    Anda a acontecer com frequência. Lamento.

    ResponderEliminar

  31. Add conteúdo do seu blog https://www.waaap.net

    ResponderEliminar
  32. Linda música. Todos temos um choro na alma e uma lágrima prestes a cair. Profunda essa música. Imagem linda. Parabéns pela postagem. Bom fim de semana abcs

    ResponderEliminar
  33. Olá, António!
    Que fotografia linda, linda, linda!!!
    O Marco Rodrigues não conhecia, mas gostei de o ouvir cantar tão belo poema.
    Quanto a chorar, bem, eu deixei de chorar (tanto) desde que descobri este "lugar". Verdadinha!
    Abraço amigo e bom fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  34. holaaaa antonio amigo llego despues de tiempo y me quedo asombrada la imagen es preciosaaaa, la musica que gracias por traducir lo que dice el tiempo es el bálsamo para curar las heridas o el dolor feliz finde que estoy poco tiempo solo escribir y poco mas feliz finde besitossssss

    ResponderEliminar
  35. Preciosa foto,amigo. El tiempo se diluye reflejado en el agua.
    Saludos.

    ResponderEliminar
  36. A excelência da foto já nem me surpreende de tal modo estou habiada ao seu talento fotográfico. Gostei muito, como gostei da melodia, numa voz que não me lembro de já ter ouvido, mas que me agradou
    Um abraço e bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
  37. Uma foto muito show! A música fala de um coração apaixonado... O tempo, aproveitá-lo o máximo!
    Bom sábado.

    ResponderEliminar
  38. Bellissimo il pellicano, davvero un magnifico scatto!
    Buon fine settimana!

    ResponderEliminar
  39. Uma foto espectacular, António! Está linda!!! Maravilhosos, o enquadramento, os reflexos e as tonalidades!
    E adoro este tema de Marco Rodrigues!... Já o deixei há algum tempo lá no meu canto, mas é uma delícia poder recordá-lo, por aqui! Um dos meus temas preferidos, deste fadista!...
    Um grande abraço! Feliz fim de semana!
    Ana

    ResponderEliminar
  40. Grazie per la visita.
    Buona serata e lieta Domenica!

    ResponderEliminar
  41. Soberba captação! Imagem espectacularmente feliz. Parabéns, Gomes.


    Abraço
    SOL

    ResponderEliminar
  42. Adorei a foto e a letra, só possui verdades!
    Tenha um ótimo fim de semana.

    ResponderEliminar
  43. Foto magnifica!!!!
    El tiemo a veces es cruel
    Cariños y buen domingo

    ResponderEliminar
  44. Esta música de Marco Rodrigues é bem linda,gosto imenso dela!! Bom domingo e boa semana,tudo de bom para ti!!

    ResponderEliminar
  45. Un conjunto precioso.

    Mil besitos y feliz fin de semana.

    ResponderEliminar
  46. A admirável capacidade que tem de conjugar a bela foto com o conjunto do «post» é extraordinária!

    Beijo e bom Domingo

    ResponderEliminar
  47. Que linda foto e acompanhada de uma música que não conhecia! Bom fim de semana. :)
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  48. What a wonderful post! Thank you and Happy Sunday to you!
    Claudia

    ResponderEliminar
  49. Olá António,

    Fiquei encantada com o seu espaço de arte, a foto belíssima e
    acompanhada de um música-vídeo muito belos e poéticos.
    Vim do espaço da querida Ana freire.
    Um domingo alto astral para você!

    ResponderEliminar
  50. Bonita fotografía y poema. Feliz tarde de domingo. Besitos.

    ResponderEliminar
  51. A foto é magistral Antônio
    E a canção um verdadeiro deleite
    Um abraço

    ResponderEliminar
  52. Adorei as duas opções: a foto e a música! Coisa linda! ;)

    boa semana! E obrigada pela visita ao meu blog!

    beijos!

    https://ludantasmusica.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  53. Antonio uma foto espetacular muito bonita, a música maravilhosa, boas escolhas, abraços.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  54. Foto fantástica, poema também. Um pouco triste mas muito sentido.
    ABraço

    ResponderEliminar
  55. Bom dia, AG
    Gosto muito desta musica! A imagem que nos traz é de uma beleza ímpar. Parabéns

    Beijinhos melados
    Espero pela tua visita lá no nosso Delírio's :)))

    ResponderEliminar
  56. A spectacular photo and great reflection!
    Lovely poem and beautiful song!
    Dimi...

    ResponderEliminar
  57. Linda foto assim como a musica e chorar faz parte da vida ou tristesa ou de felicidade asssim é o choro adorei bjs

    ResponderEliminar
  58. Brutal foto, acompanhada de tão bela canção! Parabéns!

    Boa semana, amigo!

    ResponderEliminar
  59. Uma canção na bela voz de Marco Rodrigues, com uma letra que me tocou.
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  60. Uma bela interpretação de um lindo e tocante poema.
    Gostei sem medida do que li nas linhas e entrelinhas.
    Muitos parabéns por esta escolha.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  61. Una foto magnifica bien acompañada por una bella canción.
    Me estas aficionando a la música en portugués.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  62. Uma foto de arrasar. Ficou linda!

    Boa semana António

    ResponderEliminar
  63. Excel·lent amb els reflexos distorsionats. M'encanta.
    Una abraçada, António.

    ResponderEliminar
  64. Uma foto maravilhosa e uma boa música com conteúdo interessante. Saudações.

    ResponderEliminar
  65. Fico sempre deliciado quando visito este magnifico cantinho. Desejando uma boa noite
    .
    * Aroma da papoila ... E a outra face do sentimento *
    .

    ResponderEliminar
  66. Muy buena la foto del Pelícano, con esos fantásticos reflejos.

    Besos

    ResponderEliminar
  67. Que fotografia extraordinária, meus parabéns.
    Um abraço
    Maria de
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
  68. Não sei por onde iniciar o meu comentário, enfim, aquilo que o post do António me fez sentir e transmitir. Talvez pelo princípio, obviamente, como é costume, dirão todos.

    Acredito que também chore e que já tenha chorado pelas mais diversas situações, mas fez, faz e fará bem, pois guardar lágrimas, não! Elas surgirão, espontaneamente, por vezes, sem motivo aparente, mas é bom chorarmos no silêncio, no nosso cantinho. Abrimos a janela e uma lufada de ar fresco, renovar-nos-á. Amanhã, será outro dia e as coisas já não serão iguais ou pelo menos, as reações.

    Cliquei sobre a excelente foto e o pelicano ficou ainda mais bonito, o magano. Todo vaidoso, emproado e todo brioso. Ele sabe, que faz um figurão. Azul, de penas imponentes, sentado magistralmente sobre um lago de águas verdes, esperançosas, o castanho das pedras, julgo, que por lá aparecem, um céu de fazer inveja ao Olimpo e no bico, longo, mas elegante da ave, fazem-se reflexos e dão-se beijos em borburinho. Já viu isto, António? Estará ele a dar beijinhos à pelicana (não sei se existe), que está meia escondidinha de barriguinha para o ar, deitadinha naquela relva do lago? Olhe, que é mto bem capaz. Compenetrado e tão imbuído, qto ele está tudo indica, que sim. O macho, animal ou homem, faz de tudo para chamar a atenção da fêmea e a vaidade, o belo vestir, a apresentação, é uma das principais formas. Pronto, ela já está conquistada (rs).

    Marco Rodrigues é um homem com todas as letras, daqueles que já vão escasseando, para além da sua excecional voz. Ele e Camané são os fadistas, que mais aprecio, atualmente.
    "Tempo", tanto a dizer sobre o tempo, o que passou e em que pensamos, o tempo presente e o futuro, que é uma incógnita.

    O tempo não espera por ninguém, é um ingrato, mas um homem espera por uma mulher por quem se sente ainda mto apaixonado. Errou-se no passado, onde ela era só dele, mas ele não era só dela, quiseram-se experimentar novos "horizontes", que depois de vistos e "comidos", não deixaram vontade de voltar. É quase sempre assim. É próprio da natureza humana, sobretudo da masculina, mas há quem não perdoe a traição amorosa. Se eu fosse traída e se a pessoa abrisse o jogo, perdoar-lhe-ia, sem hesitar e se houvesse ainda a mesma intensidade e quantidade de amor, logicamente. Por vezes, é só preciso dar uma oportunidade, um perdão, pois não há ninguém, que não erre.

    O amor, a traição, os desejos carnais incontrolados sempre dominaram o homem e também, mas em menos número, a mulher, só que, nos últimos anos, talvez a partir da década de 90, as pessoas não dialogam, não se questionam umas às outras e partem para caminhos desgarrados. Cuidado! Um dia, a solidão entra pela vossa porta e não mais quer sair.

    AMAR É BOM! AMAR COM SINCERIDADE, HONESTIDADE E VERDADE PELO OUTRO, AINDA É MELHOR, OU SEJA, É A FÓRMULA PERFEITA!

    Um abraço com elevada consideração.

    ResponderEliminar
  69. António,

    O que agora vou escrever, não poderia fazer parte do anterior palavreado, pois "não diria a bota ca perdigota".

    Olhei, observei e atentei na sua nova foto de perfil e fiquei atónita, estupefacta e encantada. Que requinte, que apresentação, que homem distinto!

    Parabéns por estar como está, fisicamente e moralmente, esta parte não se vê, mas para quem a principal atividade é respirar, então está "de vento em popa".

    Gostei muito do luxo com gosto aqui apresentado.

    Dias felizes e com amor.

    ResponderEliminar
  70. As far as I understand your poem (through Google translate), it sets Time versus Love.
    Time doesn't wait and doesn't care. Love does. Time can heal, Love has only music at its disposal with which to try and heal, and that should be enough and bring you back to the one who loves you.

    Beautiful words, beautiful picture of the pelican, beautiful music!!

    ResponderEliminar
  71. Parabéns pela magnífica foto! Ficou um "must". A música já lá tinha um "like", já fazia parte da minha longa lista de Youtube!
    A Criança chora, o jovem chora, o adulto(masculino e feminino) choram, os velhos choram! Felizmente que somos humanos e não é vergonha nenhuma verter lágrimas! Deixemos as emoções e os sentimentos terem a sua própria voz! Nada de rolhas, de tampas...porque depois adoecemos!

    Bela postagem! Gostei a valer!
    Abraço.

    ResponderEliminar
  72. Me han encantado tus fotos y he escuchado atentamente la música de esta sentida canción llena de saudade y, al mismo tiempo, de esperanza, yo soy de las que pienso que la música es un arma maravillosa para enamorar.
    Cariños y buena semana.
    kasioles

    ResponderEliminar
  73. Foto espectacular! Parabéns!
    O poema e a música são também belíssimos.
    Excelentes escolhas.
    Beijinhos,
    Ailime

    ResponderEliminar
  74. Oi Antonio,
    Adorei essa música, ela tem um toque de sensualidade que gosto.
    Postarei só aos sábados
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  75. Hola Antonio!
    ¡Bonita esta canción y la foto que me gusta!
    Un día maravilloso, ¡te deseo!
    Un abrazo y gracias por visitar!

    ResponderEliminar
  76. Adoro esta musica e quando li o titulo, pensei logo nela. Às vezes faz bem chorar!

    ResponderEliminar
  77. ·.
    Bonita fotografía, y muy buenas las palabras que la acompañan.

    Un abrazo


    · LMA · & · CR ·

    ResponderEliminar
  78. Piękna piosenka.Śliczne zdjęcie.Pozdrawiam serdecznie.

    ResponderEliminar
  79. António , a foto é belíssima . Parabéns !
    Não conhecia a canção e me encantei por ela .
    Obrigada por partilhar .
    Abraços

    ResponderEliminar
  80. Gostei da musica e a fotografia é espectacular.
    Um abraço.
    Autografos Futebol

    ResponderEliminar
  81. Antonio, nice music and lovely voice.
    Have a happy day!

    ResponderEliminar
  82. What a amazing bird, the photo is very beautiful.
    Hugs

    ResponderEliminar
  83. Querido Antonio sin duda me estoy convirtiendo en la seguidora número uno de la música portuguesa. En cuanto a la foto es genial, da la sensación que está a mi lado y me mira con curiosidad, enhorabuena. Un enorme abrazo y feliz semana.

    ResponderEliminar