sexta-feira, 28 de junho de 2013

Foto Amadora / Amateur Photo


Efémero
Os ventos que as vezes tiram
algo que amamos, são os
mesmos que trazem algo que
aprendemos a amar…
Por isso não devemos chorar
pelo que nos foi tirado e sim,
aprender a amar o que nos foi
dado. Pois tudo aquilo que é
realmente nosso, nunca se vai
para sempre…
Bob Marley
 
 
Oiçam, Oiçam,
O vento mudou e ela não voltou
as aves partiram, as folhas caíram
Ela quis viver e o mundo correr
prometeu voltar se o vento mudar
E o vento mudou e ela não voltou
sei que ela mentiu, para sempre fugiu
Vento, por favor, traz-me o seu amor
vê que eu vou morrer se não mais a ter
Nuvens tenham dó que eu estou tão só
batam-lhe á janela, chorem sobre ela
E as nuvens juraram e quando voltaram
soube que mentira, para sempre fugira
Nuvens por favor cubram minha dor
já que eu vou morrer se não mais a ter
Oiçam, Oiçam, Oiçam, Oiçam, Oiçam

 

30 comentários:

  1. Ambos os poemas dizem muito...
    Onde tirou a foto acima?

    ResponderEliminar

  2. O vento vem e traz, o vento vai e leva.
    Em nós, o cheiro doce do que foi doce.
    Cruzamentos de essências.

    Boa conjugação da citação de Bob Marley, da canção revisitada e da fotografia onde os barcos, ancorados, remetem para o "aquilo que é
    realmente nosso, nunca se vai para sempre… "

    Beijo

    Laura

    ResponderEliminar
  3. what a beautiful view ! love this post and the words

    ResponderEliminar
  4. Boa noite.

    Cada um tem o que agradecer.

    (Muito obrigada pela palavras gentis)

    Desejo-lhe saúde, paz, e muitas alegrias.

    Um grande abraço.

    ResponderEliminar
  5. oi Antonio,

    é assim que se faz os dias,
    os sentimentos,
    os homens,
    com ventos que trazem e levam e refrescam o nosso coração...

    beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Oi Antonio
    Às vezes sinto que o vento passa e leva um pouquinho de mim, mas a noite a lua me trás a felicidade que almeja meu espírito.
    Lindo!!!!
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  7. Pois é Antonio, a vida dá, a vida tira. E o que nos resta é nos resignar. Um abraço

    => Gritos da alma
    => Meus contos
    => Só quadras

    ResponderEliminar
  8. Com muito amor e carinho
    venho desejar a você um final de semana abençoado
    uma chuva de paz ,amor , benção ,
    graça e luz caiam dos céu sobre você
    ,meu carinho beijos no coração afagos na sua Alma.
    Evanir..

    ResponderEliminar
  9. Bonjour
    il est magnifique ce port et ta photo j'adore
    vivement les vacances que je puisse aussi en profiter
    bise

    ResponderEliminar
  10. voce ja sabe como amo tuas fotos! e OUCO, VEJO e SINTO....saudades de portos e barcos e mar/////
    abraco!

    ResponderEliminar
  11. Bob Marley tem razão. Nada nem ninguém é nosso (e por vezes tenho a sensação de que até quem é mais próximo apenas cumpre um papel e vai-se).
    Beijinhos, bom sábado!

    ResponderEliminar
  12. Foto, que nos demonstra que mais um Verão Quente se avizinha!Bela trabalho.
    Faz-me voltar para o meu eleito, escritor:

    "...Não falemos mais. As coisas que se amam, os sentimentos que se afagam guardam-se com a chave d'aquilo a que chamamos «pudor» no cofre do coração. A eloquência profana-os. A arte, revelando-os, torna-os pequenos e vis. O próprio olhar não os deve revelar.
    Sabeis decerto que o maior amor não é aquele que a palavra suave puramente exprime. Nem é aquele que o olhar diz, nem aquele que a mão comunica tocando levemente n'outra mão. É aquele que quando dois seres estão juntos, não se olhando nem tocando os envolve como uma nuvem, que lhes (...)
    Esse amor não se deve dizer nem revelar. Não se pode falar dele.

    Fernando Pessoa, 'Inéditos'
    Tema(s): Amor

    ResponderEliminar
  13. Imagem bonita com uma bela vista.
    O poema é bonito.
    Saudações, Irma

    ResponderEliminar
  14. Muito lindo TUDO aqui! abração,tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  15. Um poema fabuloso, musicado de forma não menos maravilhosa!

    http://www.lavarcabecas.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  16. Boa noite, António!

    Não sei se estarei de acordo com Bob Marley. Sei que uma boa parte do destino é feita por nós, mas por vezes, é tudo tão imprevisível. Bem, que "seja eterno, enquanto dure", já dizia outro pensador.

    Então, "o vento mudou", mas com nova roupagem. Embora, os tempos já sejam outros, há quem fique assim, quando ela decide partir. A canção, sem ser de grande envergadura, lembro-me que teve bastante sucesso, na altura.

    Agradeço a sua visita, comentário e o link da canção de Garou, que por sinal, não conhecia.

    Ele já o tinha ouvido algumas vezes, e os olhos dele são inconfundíveis, mas esta canção, não.

    "Apanhou-me o fraco". Adoro a cultura francesa, incluindo a música, si tendre et si douce!

    Aproveite bem o fim de semana. Estou a fazer, o mesmo.

    Abraço da Luz.

    ResponderEliminar
  17. Adoro Bob Marley! Frase muito boa!


    Excelente final de semana!

    www.vidacomplicada.com

    ResponderEliminar
  18. Me encantan tus imágenes, la canción es muy buena, con una letra preciosa...

    Besos

    ResponderEliminar
  19. Oi amigo
    Obrigada pela visita
    É sempre um prazer seu comentário
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  20. As cor pálida do ceu e mar parece bem os dias de in verno que estou vivendo.E gosto.
    Estou com saudade ,

    ResponderEliminar
  21. Bom dia!
    Desculpa ir entrando assim... mas tenho visto comentários teus que têm atraído a minha curiosidade. Hoje resolvi matá-la :)
    Gostei deste espaço.
    Acho a frase de Bob Marley muito interessante, embora não concorde totalmente com a parte final. Há "coisas" que nos são tiradas e nunca mais são restituídas, pelo menos na forma em que desejaríamos.
    Esta música dos UHF é muito bonita, e há tanto tempo que eu não a ouvia!

    Vou me fazer tua seguidora. Se quiseres visitar-me serás recebido de braços abertos.

    Feliz Domingo.
    Beijinhos

    Mariazita

    ResponderEliminar
  22. Olá, amigo!
    Passando para desejar um bom domingo, se possívelcom ventinho fresco.
    Abraço

    ResponderEliminar
  23. Excelente publicação! Foto e palavras, uma bela conjugação acompanhada pela música...
    Abraço

    ResponderEliminar
  24. Ventos levam, ventos trazem....a diferença e a sabedoria é saber viver como disse Bob Marley e que você compartilha com a gente. O grande problema do ser humano, é que este aprendizado, esta forma de ver e lidar com os momentos da vida, não são fáceis, e criam sofrimentos outros.

    Bela imagem, sempre.

    Li o comentário de Mariazita, e concordo com ela, seus comentários nos nossos blogs e nos outros blogs chamam a atenção. Vim do blog de Myra, e me emociona ao ler seus comentários lá.

    abraço

    ResponderEliminar
  25. Adorei a foto e a citação mais ainda. Lindo!

    Ah, deixo aqui um convite: fizemos um post no meu blog sobre automutilação e aí se teve a idéia de uma campanha pelo amor-próprio, seja de pessoas com transtornos ou não. O #ProjetoEuMeAmo.
    Queria criar uma página no blog com fotos e depoimentos de pessoas, fazendo algo pra si próprios, nem que seja beijando o espelho.
    Você podia tirar uma foto bonita, né?
    Bem, caso vc ache interessante, mande para borderlineggirl@gmail.com, tá?

    bjo!

    eilan

    borderline-girl.blogspot.com

    ResponderEliminar
  26. Welcome. Interesting post. Have a nice day. :)

    ResponderEliminar
  27. Belíssima foto.Gostei que recordasse Bob Marley, bem como a nossa canção portuguesa de há muitos,muitos anos atrás.Obrigada por ter partilhado tanto.
    Uma ótima semana.
    Um abraço da
    Beatriz -Blog Vida e Pensamentos
    http://pegadasdeanjo.blogspot.com

    ResponderEliminar