terça-feira, 25 de agosto de 2015

Às vezes

“Fingimos que não entendemos”


D.A.M.A - Às Vezes

Às vezes não sei o que queres e digo ok
Às vezes não sei o que faço e tu tá bem
Às vezes fazes de propósito, eu sei
Uma vez não são vezes e eu não digo a ninguém

Sei que às vezes eu não estou do teu lado (ok)
E não te ligo por estar muito ocupado (tá bem)
Tu não mereces eu deixar-te nesse estado (eu sei)
Desculpa não ser esse príncipe encantado
Quando não respondo, não sei porque é que me escondes, sabes

Que sou teu, mas queres um romance apertado
Às vezes é um sufoco, outras vezes fico louco e dizes
Não tens razão para te sentir enganado
Eu sei que me contas coisas que não contas a mais ninguém
E perguntamos ao tempo quanto tempo o tempo tem
Passam, horas, dias, choras, sei que está tudo errado dizes

Não vás embora, fica, mais um bocado
Eu fico sempre por perto por mais voltas que dês
Tu sabes, que eu não me apego, depois vens com porquês
Imaginas essas histórias tipo "era uma vez"
Baby, eu sou a folha em branco dos romances que lês

Às vezes não sei o que queres e digo ok
Às vezes não sei o que faço e tu tá bem
Às vezes fazes de propósito, eu sei
Uma vez não são vezes e eu não digo a ninguém

shhh eu não digo a ninguém
que me queres e preferes aos outros que tu tens
Eu sei, que é difícil quando o clima é propício
Controlares esse teu vício que tens por mim desde o início, ok
Eu quero e faço por isso e tu queres um compromisso
E eu sou mais de improviso e tu só queres ficar bem
E ficas doida comigo porque tens noção do perigo
Mas eu não se se consigo dar-te tudo o que tenho
Sabes que te quero embora seja às vezes
Tento ser sincero, só que, tu não me entendes
Não tenho culpa, mas não sinto o que tu sentes
Hoje ficas cá em casa, uma vez não são vezes

Às vezes não sei o que queres e digo ok
Às vezes não sei o que faço e tu tá bem
Às vezes fazes de propósito, eu sei
Uma vez não são vezes e eu não digo a ninguém

Oh e eu não digo a ninguém
Eu sei

Sobe, que eu não digo a ninguém
Cora, que eu não digo a ninguém
Fica, que eu não digo a ninguém
Podes fazer o que quiseres que eu não digo a ninguém.

Às vezes não sei o que queres e digo ok
Às vezes não sei o que faço e tu tá bem
Às vezes fazes de propósito, eu sei
Uma vez não são vezes e eu não digo a ninguém

94 comentários:

  1. Linda foto e é verdade,rs abração,chica

    ResponderEliminar
  2. Boa tarde
    Quantas vezes fingimos que não entendemos para não estragar algo..A Foto é maravilhosa, e a musica é excelente.


    Beijinho e um dia feliz.

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Truly fabulous music and photo...
    and yes...so often we pretend not to understand. It somehow seems easier that way...to stand back and just let things run their course.
    But what when they don't turn out as we would like?
    Who is to blame?
    I think...no one.
    It is just life...and misunderstanding...Venus and Mars...

    A Hug :)

    ResponderEliminar
  4. Hello, pretty shot of the heron! I love the song too, thanks for sharing. Enjoy your day!

    ResponderEliminar
  5. Postagem maravilhosa... Adoro esta musica.

    Beijocas-visite-http://quadrasepensamentos.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  6. Pretty Grey Heron and poem too..Hope everything works out for you:)))

    ResponderEliminar
  7. Parabéns por mais um belo post.
    Cada vez gosto mais da música portuguesa que conheço aqui.
    Mary

    ResponderEliminar
  8. Una buena imagen.... Espero que estés bien.... Un abrazo desde Murcia... Y termina bien el verano....

    ResponderEliminar
  9. Oi António,
    Aqui quando fingimos algo dizemos que damos uma de "migué".
    Linda música e foto.
    Beijos no coração
    Dorli Ramos

    ResponderEliminar
  10. Oi amigo Antonio,às vezes parece que não entendemos,mas acho que sempre
    sabemos o que nos dizem.
    Música e versos lindos.
    Bjs-Carmen Lúcia

    ResponderEliminar
  11. Lindo verso y bella imagen.

    Un beso. Feliz semana.

    ResponderEliminar
  12. Que bien has cogido a esa garza, el encuadre es estupendo.
    Saludos

    ResponderEliminar
  13. Me gusta mucho el momento que has pillado a la Gaza y tambien el texto. Buena entrada, Antonio,
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  14. AG
    a música além de entrar facilmente no ouvido e ser um grande sucesso, está em sintonia com a foto que, confesso é muito ao meu gosto e que achei excelente.
    mas, ao ver a sua foto lembrei de um poema meu que lhe deixo aqui em modo de comentário:
    .Na hora dos pássaros
    Como quem deita sementes à terra em época de sementeira.
    Andei a semear sonhos!
    Entre o fim da tarde, mergulhei inteira no eco que as ondas do mar conduziam ao meu mundo (onírico) e meus sonhos, revolutearam, ganharam cores e sons.
    E os pássaros sorriram coniventes do meu desassossego.
    Amanhã volto a semear realidades, se não se concretizarem.
    Não me importo!
    Volto a semear sonhos
    Na hora dos pássaros
    .
    © Piedade Araújo Sol

    beijos da cor do mar ...

    ResponderEliminar
  15. Boa tarde Antonio.
    Uma bela imagens e uma frase certíssima, quantas vezes fingimos não entender, mas manter a harmonia, o momento e ate o sentimento não ser abalado. Uma feliz semana meu amigo. Um forte abraço.

    ResponderEliminar
  16. Cuando no nos interesa el tema así lo hacemos.
    Bonita imagen.
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  17. Sou um adorador de fotografias, e aqui tenho encontrado belas, muito belas fotos, como esta que ilustar o post, quanto a música fico feliz de conhecer mais a arte de cantar portuguesa, sou um apaixonado por Amália Rodrigues, mas graças a este blog tenho ampliado meus conhecimentos musicais de Portugal. Fico sempre muito feliz quando apareces lá no meu blog.
    ps. Carinho respeito e abraço.

    ResponderEliminar
  18. Fingimos y miramos para otro lado, pero la realidad es tozuda y siempre nos sorprende con el paso cambiado.
    Abrazo,amigo.

    ResponderEliminar
  19. Gosto imenso da musica e a foto está linda.
    xx

    ResponderEliminar
  20. un ave muy gracioso! preciosa toma!
    un abrazo

    ResponderEliminar
  21. Olá, AGomes.
    Às vezes até dá jeito "fingir", para ver se "vai levando a vida sem aborrecimentos" =)
    Belíssima a foto!
    E a música - de sucesso bem merecido - é daquelas que nos cativam.
    abç amg

    ResponderEliminar
  22. Bela música e imagem!!!!!!!!!! Abençoada semana!!!!!!!!!1 Abraços

    ResponderEliminar
  23. Linda foto ,música também,
    Fingir custa muito AG, não é?
    meu abraço

    ResponderEliminar
  24. Saudações A. ás vezes quero emagrecer, mas ás vezes quero um cachorro quente a uma da manha! kkk Beijos e abraços!

    ResponderEliminar
  25. Stork can wade deep, the legs are sufficient.
    Fascinating music.
    Greetings

    ResponderEliminar
  26. "Às vezes não sei o que queres e digo ok
    Às vezes não sei o que faço e tu tá bem
    Às vezes fazes de propósito, eu sei
    Uma vez não são vezes e eu não digo a ninguém."

    lindo post, como tudo que há aqui! smackssssss

    ResponderEliminar
  27. Captada en el momento oportuno, la fotografía da una gran sensación de movimiento contenido pues la garza parece detenida un instante pero aprestándose a lanzar pata y pico en busca de su presa.
    Un abrazo,

    ResponderEliminar
  28. Adoro esta música. E a foto não podia ser melhor escolhida.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  29. Que bela foto! Linda também a foto do cabeçalho!
    Bonita a música, eu não conhecia...
    Desejo a você uma bela semana.

    ResponderEliminar
  30. Olá Ag,

    às vezes tudo o que fazemos, por vezes, se não entender alguma coisa.
    Bela imagem. Seu texto em seu blog é muito inspirador. Agradável de ler.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  31. A good moment and color pic.
    Best regards.

    ResponderEliminar
  32. Provavelmente...vezes a mais!!!
    Adoro este tema musical e belíssimo olhar!!! Boa Noite!!!

    ResponderEliminar
  33. Provavelmente...vezes a mais!!!
    Adoro este tema musical e belíssimo olhar!!! Boa Noite!!!

    ResponderEliminar
  34. António ! Um passeiozinho a Lisboa no dia 18 de Outubro para o almoço ?!

    ResponderEliminar
  35. AG

    que música boa! gostei!

    abra
    aço.

    ResponderEliminar
  36. Very like grey heron. Nice moment.
    Take care!
    Regards Miklos

    ResponderEliminar
  37. Olá António

    Fez-me abrir um sorriso largo este post
    A música é linda, o sentimento, muito igual
    Coisa mais gostosa de sentir

    Abraços

    ResponderEliminar
  38. Lindeza de postagem. O texto, musica perfeito.
    Um abraço!

    ResponderEliminar
  39. Uma fotografia lindíssima.
    Quantas vezes nos fazemos desentendidos até de coisas a que devíamos dar atenção...
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  40. Quantas dúvidas e indagações nos teus versos!!!
    As imagens são lindas!


    Um abraço!

    ResponderEliminar
  41. Gosto da foto, dos Dama... não por ter sido êxito mas porque tem uma letra apelativa e fácil e uma melodia curiosa, lembra-me uma música de George Michael que não consigo recordar agora o nome da canção! É óbvio que os Dama , é grupo para adolescentes e esta canção adequada ao espírito dessa faixa etária; tá-se bem! às vezes é , outras não é... os jovens são muitos instáveis, hoje estão muito apaixonados, amanhã não se sabe....ainda inseguros do que querem.... falta de maturidade , tudo próprio da idade, o problema é quando esta incoerência se propaga pela vida fora.... homens e mulheres que ficaram presos nos quinze anos...Não pode ser! Não dá segurança a quem vier se relacionar com essa gente!

    Abraço de fim de Agosto, António! :-)

    ResponderEliminar
  42. O que no queremos entender porque nos resulta más fácil aunque luego la vida se encarga de ello.
    Besos!!

    ResponderEliminar
  43. Uma foto de uma garça-real bonito, eo conteúdo das músicas está em linha com dúvidas na vida. Saudações.

    ResponderEliminar
  44. me gusta tu intensidad cuando escribes y comentas

    ResponderEliminar
  45. Ótimo final de semana!!!!!!!!!!! Abraços

    ResponderEliminar
  46. Fingimos sim...meu amigo.
    Belíssimo todo o post.

    Beijo

    ResponderEliminar
  47. Buen trabajo y composicion saludos y buen verano.

    ResponderEliminar
  48. Oi António
    Que o dia lhe seja abençoado!
    Beijos
    Dorli Ramos

    ResponderEliminar
  49. Acontece-me muito ultimamente: fingir que não entendo.

    Mais uma bela fotografia e uma bela melodia. Um bom fim de semana.

    Abraço

    Isabel Gomes

    ResponderEliminar

  50. Gostei do ritmo e da musicalidade da canção, muito agradável mesmo!!!
    Sem dúvida a foto é linda... só não sei se combina com a letra da canção!...
    Quanto a letra... fingir para manter as aparências... não é minha praia!....

    Bom fim de semana com tudo de bom!
    Beijinhos.❀ミ
    ❀˚° ·.

    ResponderEliminar
  51. Bonita garza en solitario, en un enclave bello.
    Feliz finde.
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  52. boa tarde Antónia, musica muito agradável com palavras que nos dizem muito da relação sem grande complicação :)
    e a imagem do mar sempre a calhar nestes dias bastante quentes... :)
    abraços
    Angela

    ResponderEliminar
  53. Eis que encontro mais um lindo post por aqui , como de costume! Parabéns!!!
    Abraços e bom fim de semana!!!

    http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  54. Ganhe dinheiro com seu blog trabalhando no conforto de sua casa. Você faz seu horário. Não precisa indicar ninguém para ganhar. Você ganha com seu trabalho! Mesmo trabalho do SuperParceria!! Saiba como em:
    www.homemoney.com.br

    ResponderEliminar
  55. Gracias por este bello conjunto de música, letra, foto y también por tu visita, me quedo en tu espacio.
    Un abrazo.
    Ambar

    ResponderEliminar
  56. Boa noite, Antonio.
    Nem sempre falamos o que queremos ou somos o que desejamos.
    Lá no fundo somos seres querendo acertar, assim sendo, caímos, levantamos, sorrimos e choramos e nos colocamos em posição delicada e a quem amamos também.
    Criamos expectativas e nem sempre são boas.
    Tenha um fim de semana de paz.
    Beijos na alma.

    ResponderEliminar
  57. Boa noite, Antonio.
    Nem sempre falamos o que queremos ou somos o que desejamos.
    Lá no fundo somos seres querendo acertar, assim sendo, caímos, levantamos, sorrimos e choramos e nos colocamos em posição delicada e a quem amamos também.
    Criamos expectativas e nem sempre são boas.
    Tenha um fim de semana de paz.
    Beijos na alma.

    ResponderEliminar
  58. Superbe article!
    Bon week-end!
    Photographe Gil Zetbase
    http://www.gilzetbase.com/

    ResponderEliminar
  59. Ganhe dinheiro com seu blog trabalhando no conforto de sua casa. Você faz seu horário. Não precisa indicar ninguém para ganhar. Você ganha com seu trabalho! Saiba como em:
    www.homemoney.com.br

    ResponderEliminar
  60. Surpreendente e conjugação entre a canção e a foto!

    Às vezes - enterramos a cabeça na areia para não ver o que nos rodeia!...

    Gostei muito da canção e é a primeira vez que a oiço. Às vezes - acontecem descobertas!

    Bela publicação.

    Um abraço. Boa semana.

    Janita.

    ResponderEliminar
  61. Sencilla pero a la vez bonita composición

    Abrazos fuertes!!

    ResponderEliminar
  62. Ha sido un placer leer primero y, después, escuchar la canción llena de ritmo y encanto. Gracias por compartirla.

    Saludos cordiales. Franziska

    ResponderEliminar
  63. Música muito agradável e imagem ainda em modo de Verão!
    Boa semana :)

    ResponderEliminar
  64. Quando venho aqui em seu blog viajo pelas as imagens inspirados e nas palavras encantadas dos teus versos. uma magnifica semana

    ResponderEliminar
  65. Oi António
    Obrigada pelo carinho
    Seria bom se sempre fôssemos crianças
    Beijos
    Dorli Ramos

    ResponderEliminar
  66. Oi Antonio,passando para lhe desejar uma ótima semana.
    Espero que não tenha esquecido o endereço do meu blog.rsrs
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  67. LIndas a foto e a música.
    Quanto a fingir, não consigo mas infelizmente por vezes seria talvez essa a melhor opção.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  68. já há um novo post no meu blog, caso queira ver :) beijinhos e uma boa semana

    ResponderEliminar
  69. Às vezes há uma hesitação
    perturbadora da razão
    as águas turvam-se
    sem quê nem para quê
    às vezes...

    Abraço, AG, e parabéns pelo trabalho.

    ResponderEliminar
  70. Às vezes há uma hesitação
    perturbadora da razão
    as águas turvam-se
    sem quê nem para quê
    às vezes...

    Abraço, AG, e parabéns pelo trabalho.

    ResponderEliminar
  71. Wonderful post!
    Have a nice day!
    Natallia Jolliet
    http://www.alexphotographygeneva.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  72. Bonita música. Tenha uma ótima semana.

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  73. Bonita música. Tenha uma ótima semana.

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  74. Gostei bastante e também da musica.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.

    ResponderEliminar
  75. Mais uma canção bela!
    Sim, as vezes é a melhor opção fingir não entender ...

    ResponderEliminar
  76. Ás vezes e sempre e sempre às vezes......... A paisagem ( bela e singela foto!) com "cara de paisagem" ( expressão que usamos aqui) . Gosto destes meninos D.A.M.A.. Eles sabem das coisas e como expressá-las musicalmente.

    Abraço :)

    Sarinha

    ResponderEliminar
  77. Ás vezes e sempre e sempre às vezes......... A paisagem ( bela e singela foto!) com "cara de paisagem" ( expressão que usamos aqui) . Gosto destes meninos D.A.M.A.. Eles sabem das coisas e como expressá-las musicalmente.

    Abraço :)

    Sarinha

    ResponderEliminar
  78. Um som que entra com muita nitidez no meu ouvido. Uma foto que fica no meu olhar como a canção no meu ouvido.
    Abraço

    ResponderEliminar
  79. Beautiful shot of the heron !!
    Greetings

    ResponderEliminar